Produtividade nos trilhos

Truques ferroviários

Poucos componentes dos veículos ferroviários possuem tantas versões diferentes quanto o truque ferroviário. As exigências mecânicas sobre estes componentes (geralmente produzidos por estruturas soldadas) nunca são constantes, mas sem dúvida são sempre elevadas. Nos trens de alta velocidade ICE por exemplo, metade dos eixos são acionados e os truques também podem ser alterados pelo ângulo de inclinação.

Para a usinagem destes componentes, são necessárias ferramentas muito precisas e confiáveis, que proporcionem o mais elevado grau de produtividade e flexibilidade. Além destas ferramentas, nós oferecemos uma classe de metal duro que é uma referência mundial: o Tiger•tec®Silver.